sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

O Início das Obras

Foi em Junho de 1970 que o Governador Negrão de Lima deu início às obras do Metrô do Rio de Janeiro.

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Vancouver Construiu Linha Inteira para Olimpíada

No Brasil, os Jogos Olímpicos de Inverno não chamam muito a atenção. Na verdade, estes Jogos, importantes para países do hemisfério norte, são bem menores que os Jogos de Verão, que o Rio de Janeiro vai sediar em 2016. Mesmo assim, Vancouver se preparou!

Além de diversas obras de estrutura nas praças esportivas, Vancouver refez a estrada que liga o centro da cidade às montanhas, onde são disputadas a maior parte dos esportes.

Mas Vancouver também investiu no sistema de transportes. A cidade não tem metrô. Ela tem trem suspensos. Em 1985, foi inaugurada a primeira linha, chamada Expo Line, que tinha 20 estações e 29 quilômetros. Em 2002, foi inaugurada a segunda linha, a Millenium Line, com 13 estações e 20 quilômetros. Em 2009, por conta dos Jogos, foi inaugurada a Canada Line, com 16 estações e 19 quilômetros.

Para 2014 está prevista a inauguração da Evergreen Line, cujas obras estão em andamento. Serão 6 estações em 11 quilômetros.

Será que o Rio de Janeiro vai fazer algo?

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Nunca Esqueceremos da Estação Praça da Cruz Vermelha

Projetada em 1968, com a construção iniciada em 1977 e grande parte de suas obras encerradas em 1998, falta à Linha 2 do Metrô um trecho de 3 km entre a Estação Estácio e a Estação Carioca, para proporcionar a ligação direta da Baixada Fluminense ao Centro da cidade.

A inexistência desse trecho obriga aos passageiros a realizar o transbordo na Estação Estácio, que não foi projetada como Terminal, restringindo drasticamente o crescimento da demanda da Linha 2 no trecho Estácio-Pavuna.

Sua implantação permitirá o atendimento pleno da demanda, hoje reprimida, representando um acréscimo de 300 mil passageiros / dia ao sistema metroviário.

A conclusão desse trecho é de extrema importância não só para a Linha 2 como para a Linha 1, que ficará aliviada da sobrecarga imposta pelos passageiros da Linha 2 entre a Estação Estácio e a Estação Carioca.

Inclui-se neste trecho a Estação Cruz Vermelha, situada na praça do mesmo nome, importante centro hospitalar do Estado do Rio de Janeiro, responsável pelo fluxo diário de dezenas de milhares de pessoas que buscam os inúmeros hospitais dessa região, com destaque para os do Câncer, de Traumatologia e o IASERJ.

Esta área é dotada de grande potencial de desenvolvimento, seja para abrigar atividades terciárias de comércio e serviços, como expansão natural da área central, seja como área residencial, pela proximidade com o centro da Cidade.

Área da Cruz Vermelha:
* Um dos maiores centros de atividade hospitalar do mundo.
* 14.000 pessoas acessam diariamente esses serviços.
* 38.000 pessoas embarcam e desembarcam diariamente dos ônibus na região.
* 5.200 pessoas acessam a pé diariamente a Praça da Cruz Vermelha, oriundos da área da Central do Brasil.

Fonte: http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=432651&usg=__oHIsQ0jbAwP5RQmHiE2IpLvQHbc=&h=239&w=350&sz=29&hl=pt-BR&start=18&um=1&tbnid=oKATfbaPXdhZiM:&tbnh=82&tbnw=120&prev=/images?q=Skyscrapercity+Esta%C3%A7%C3%A3o+Carioca+Linha+2&hl=pt-BR&sa=N&um=1

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Metrô de Paris

O Metrô de Paris é um espetáculo! São 14 linhas de metrô cruzadas por 5 de trem suburbano, que liga Paris a cidades dormitório próximas. As Linhas 1 e 2 foram inauguradas em 1900, 79 anos antes do Metrô do Rio ser inaugurado. Aliás, quando o metrô do Rio foi inaugurado, o de Paris já tinha 13 Linhas e 2 de trens!

A 14a Linha foi inaugurada em 1998. Nos anos 2000, Paris ganhou apenas duas novas estações: uma na Linha 13 e outra na 14. A Linha C do trem suburbano ganhou 5 estações e a Linha E uma.

Diversas extensões em todas as linhas são estudadas regularmente.

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Metrô de Milão não Acompanhou Ritmo da Cidade

O Metrô de Milão ficou pequeno para o tamanho da cidade. Apesar de ter 4 linhas (na verdade são apenas 3 linhas e uma quarta chamada apenas de linha de locomoção com duas estações) e 89 estações, a rede de metrô da cidade precisaria ser pelo menos duas vezes maior.

Comparada a outras metrópoles européias, a rede milanesa é muito nova. Suas obras começaram em 1957 e só começou a funcionar em 1964. Suas últimas extensões datam de 2005.

Suas três linhas estão ganhando extensões. A Linha 1 previa 2 quilômetros de expansão até 2009. Suas obras, no entanto, não começaram. A Linha 2 tinha uma extensão prevista de 4.7 quilômetros para 2007. As obras atrasaram e continuam. Já a Linha 3 previa mais 4 quilômetros de extensão até 2008. Novo atraso e as obras continuam neste momento.

Apesar de tudo, Milão segue tentando ampliar sua rede. A cidade foi escolhida como sede da Expo Mundial de 2015. Com isso, a Linha 4, que vai ligar a rede ao Aerporto Linate, sairá do papel. Suas obras deverão durar quatro anos, a partir de 2010. As obras da Linha 5 já começaram em 2007 e a Linha 6 já foi projetada.